20 anos, 20 filmes

Eu estou digitando diretamente das ultimas 12h da minha segunda década de vida. Provavelmente esse texto será publicado no dia 17 de setembro, onde completo 20 anos de idade.  É uma data bem especial, 20 anos é muito tempo e eu ainda não estou conseguindo aceitar isso.  Foi ontem que completei 15, 18... Já são 20.

Resolvi então fazer algo especial para mim mesmo. Resolver fazer uma lista de 20 filmes que mudaram a minha vida. Para melhor, é claro rs.

Não significa que são os 20 "melhores filmes de todos os tempos" , mas sim os que mais mexeram comigo, aqueles que possuo uma ligação muito mais emocional do que qualquer outra.

Gosto não é argumento, mas é bom expô-los de vez em quando.

Já avisando para evitar qualquer estranhamento. Até porque não sou qualquer perito em Cinema ou algo do gênero, somente assisto para me divertir.

A maior parte são de Blockbusters de Fantasia, filmes de Super Heróis, filmes pipoca... então já fique avisado. :)

20 - Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (2004)


Screenshot_1

Esse filme sempre foi um dos meus protegidos. A série, que divide opiniões na internet desde sempre, tem metade dos filmes bons/excelentes e a outra metade bem ruins/péssimos.  O Prisioneiro de Azkaban, o terceiro filme está situado na primeira parte, claro.

Esse filme, que é disparado o melhor da Saga Harry Potter, é (pelo menos na minha humilde opinião, claro) uma obra-prima do gênero fantástico. Uma história muito bem contada, um plot twist que abre um sorriso de admiração, além dos efeitos especiais, fotografia impecáveis.

Você sabia que o diretor de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban é o mesmo de Gravidade? O belíssimo filme com Sandra Bullock, que deu ao diretor Alfonso Cuarón o Oscar de melhor diretor.

Eu li os primeiros 3 livros de Harry Potter, e realmente deixaram a melhor história dos 3 para um diretor competente, que teve seu talento reconhecido muito tempo depois. Um dos que marcou minha infância/adolescência, muito merecido estar na lista.

19 - Batman Begins (2005)


Screenshot_2
Não é quem eu sou por dentro, mas o que eu faço que me define

Engraçado que esse filme não tem muita coisa de especial.  Mas eu tenho muitas memórias de vários anos atrás, nas madrugadas de sábado assistindo esse filme no SBT, que parecia adorar colocá-lo na grade.

Se tornou um dos meus filmes de herói preferidos. Por contar uma história muito simples, num tipo de narrativa (a pegada) que me prende. Uma Jornada do Herói muito bem escrita, que deixa vários detalhes sutis para um plot twist elegante no terceiro ato.

Talvez seja um dos filmes de herói mais elegantes que existem rs.

18 - Guardiões da Galáxia (2014)


Screenshot_3
Eu era apenas uma criança quando deixei a Terra, não fazia ideia do que o Universo estava guardando para mim.

Lindo. Humor, batalhas espaciais, explorações dos personagens muito bem dosados. James Gunn fez uma belíssima obra e surpreendeu à todos em 2014.

Guardiões da Galáxia foi o filme que me fez apaixonar de verdade pelo Universo Cinematográfico da MARVEL. Poucos filmes me tocam tanto quanto esse. Um filme que vale muito a pipoca, chamar os amigos, se divertir e dar risadas.

E claramente é o segundo melhor filme da MARVEL, até agora. E acho difícil conseguirem superar.

17 - De Volta Para o Futuro II (1989)


Screenshot_11
Então quer dizer que estamos indo ao futuro?!

A continuação do genial De Volta Para o Futuro não poderia ser menos louca e divertida.  Uma grande confusão de presente-passado-futuro foi montada. Robert Zemeckis pareceu ter se empolgado com o sucesso do primeiro filme e não se limitou contando uma história que pode parecer até confusa rs.

Esse filme é muito, mas muito divertido. Até é subestimado devido ao sucesso do primeiro. Uma aula de como contar uma história de viagem no tempo, sem precisar de termos técnicos inúteis, falhas péssimas de roteiro e exagero de explicações, como um certo filme de 2014 aí.

16 - O Senhor dos Anéis - As Duas Torres (2002)


Screenshot_12
Nenhum pai deveria de ter que enterrar seu filho!

Um filme de ligação entre duas obras primas. Elaborando personagens importantíssimos, como o Aragorn e muito sobre os homens. As Duas Torres possui um terceiro ato e uma batalha sensacional, uma invasão à um castelo de encher os olhos.

Gandalf rouba a cena junto Aragorn. Um filme maravilhoso, que continuou essa revolução de Blockbusters de fantasia.

Justa essa posição.

15 - Logan (2017)


Screenshot_13
Não seja o que fizeram de você

Eu já fiz uma crítica sobre essa Obra-Prima no Legado da Marvel, e em parte:"A Fox aprendeu com os erros e fez com que uma das principais HQs do Universo Marvel finalmente tivesse um filme grandioso, passível de ser aclamado no futuro como um clássico".

Um elo de ligação entre os filmes de arte e os blockbusters de super-heróis, e estou torcendo muito que seja indicado para as categorias maiores do Oscar.

Esse filme mudou minha vida tanto pela temática de super-heróis em decadências quanta pela violência genialmente violenta.  Parabéns, James Mangold e que Hugh Jackman descanse seu personagem em paz.

Um filme único, que faz tempo quando vi pessoas chorando tanto assistindo.

14 - Rush - No Limite da Emoção (2013)


Screenshot_14
Ele era um dos poucos que eu gostava, um dos pouquíssimos que eu respeitava. E a única pessoa que eu já invejei

Rush é um filme inspirador. Que mostra uma rivalidade dos anos 70 entre dois pilotos que não se odiavam, mas viviam suas vidas de maneiras totalmente diferentes: Carpe Diem vs Pensar no Futuro. 

Demorei muito para assistir, mas quando fui finalmente ver essa obra de arte, no fim meus olhos estavam marejados. Uma obra prima de filme de esporte.  Eu recomendo muito mesmo que você veja, veja agora.

13 - Os Cavaleiros do Zodíaco - O Prólogo do Céu (2004)


Screenshot_15
Se isso é um Deus, EU NÃO PRECISO DE VOCÊS!

Inacreditável como foi um filme totalmente mal tratado na época. Ele é algo totalmente diferente de tudo o que CDZ trabalhou ao longo dos anos.

Um filme adulto, contemplativo, com diálogos filosóficos com os próprios sentimentos dos personagens. Um filme que retrata as relações entre deuses, humanos e sua fé. As cenas de ação são totalmente diferenciadas, tendo um sentido.

O filme não é toda a correria e o senso de urgência. Tem uma simbologia enorme, baseada na pureza, no sentido do divino. O Roteiro entrega um filme de 1:20 minutos, mas parece que foi 2h. Provavelmente daqui a alguns anos poderá ser considerada como uma obra de arte que realmente é.

Esse filme me marcou pela evolução que passei ao longo dos anos, o quanto minha mentalidade mudou de 10 anos até os 20.

12 - Os Vingadores (2012)


Screenshot_16
Esse é meu segredo Capitão, tou sempre com raiva

O resumo do Universo Cinematográfico da MARVEL se encontra nesse filme. A união da Fase 1 da MARVEL, que foi marcada por incertezas e alguns filmes de qualidade duvidosa proporcionou um dos filmes mais marcantes de super-heróis da atualidade.

Os 4 protagonistas se relacionam de uma maneira muito divertida, e o roteiro dá espaço ideal para cada um brilhar. Um filme divertido, com ação e risadas que dá uma apreensão no final.

Sim, é o melhor filme da MARVEL.

11 - De Volta para o Futuro (1985)


Screenshot_17

Uma obra prima dos anos 80. Um grandíssimo sucesso da época, e hoje é considerado como um dos grandes da sua geração. Um clássico e marcou muito a minha vida porque realmente me surpreendeu a qualidade da narrativa de viagem no tempo ser tão alta nos anos 80.

O Filme é ousado. Tem a coragem de colocar uma cena de incesto inclusive. A série sempre foi marcada pela ousadia. Realmente, marcou sua geração e tem todo um legado até hoje.

Colocação merecida.

10 - Scarface (1983)


Screenshot_18
Diga alô para o meu amiguinho

Um filme que mostra o quanto as drogas e o dinheiro consomem a sanidade mental de uma pessoa... Como um câncer. Al Pacino deita e rola na interpretação, com jeitos e trejeitos , mostrando que quanto mais poderoso ele fica, mais doente tb. Vindo de uma família totalmente desestruturada, imigrante de um país ditatorial e como Cuba, o filme foca em toda a ascensão e logicamente a inevitável queda de Tony Montana.

O Filme não é perfeito, tem alguns problemas no roteiro, mas fica totalmente em segundo plano com a interpretação do Al Pacino.

Filmaço.

09 - Clube da Luta (1999)


Screenshot_19
Trabalhamos em empregos que odiamos para comprar porcarias de que não precisamos.

Filmaço. Um filme que vai muito além do Plot Twist fantástico. É um filme que te faz refletir a cerca de toda a filosofia que o roteiro aborda.

Conta sobre o consumismo desenfreado e o ideal de se desvencilhar de títulos , dinheiro e poder durante um dia na semana, e ser apenas membro de um clube secreto, em igualdade com o seu adversário.

É um filme muito interessante, e cultuado entre os cinéfilos e cults. E justo. O Plot Twist simplesmente me deixou maluco.

08 - Donnie Darko (2001)


Screenshot_20
Por que você está vestindo essa fantasia ridícula de homem?

Ah o que falar de Donnie Darko? Um filme instigante, que deixa o espectador com várias pulgas atrás da orelha. Até que o filme tem um final totalmente estranho , impossível de compreender a história numa primeira vista. É necessário repetir e ter uma conclusão própria. É um filme muito, mais muito instigante, que me faz levantar muitos questionamentos a cerca da própria história contada. Não é por acaso que é um grande clássico cult.

07 - Batman: O Cavaleiro das Trevas (2008)


Screenshot_10
Ou você morre herói, ou vive o bastante para ver você mesmo virar vilão.

O último e melhor filme de Super-Herói já feito nos últimos anos. Quiçá de sempre. O auge da trilogia de Christopher Nolan foi nesse belíssimo e fantástico filme. Um filme pra pensar e para entreter.

Uma atuação fantástica de Heath Ledger, mostrando-se um dos maiores vilões da história do cinema. Nolan continua sua Jornada do Herói de maneira impecável e esse filme foi uma continuação do seu auge como Diretor.

Não lembro de um filme de super herói com personagens tão impactantes. Lugar merecido no top-10.

06 - O Poderoso Chefão II (1974)


Screenshot_9
Mantenha seus amigos por perto. E seus inimigos... mais perto ainda.

Sempre adorei os filmes do Poderoso Chefão. Tenho uma ligação bem familiar com ele. O segundo filme é muito por causa da minha Mãe, que ama o Al Pacino e adora o filme que ele manda na Família Corleone.

É um filme inspirador. Com várias frases para serem anotadas e fazer uma reflexão profunda sobre elas. Talvez mais que o primeiro filme.

05 - Star Wars Episódio V: O Império Contra-Ataca (1980)


Screenshot_8
Juntos vamos governar a galáxia como Pai e Filho...

Eu amo essa frase do Darth Vader, muito mais que o clássico "Eu sou o seu Pai". O Império Contra-Ataca é uma genialidade que é difícil de achar nos dias atuais.

Um filme de Vanguarda, George Lucas chegou no se auge fazendo esse fantástico clássico do gênero de Fantasia/Ficção Científica.

O segundo filme da trilogia antiga é sombrio, o filme não termina "bem", e todos os personagens principais, que foram muito melhor desenvolvidos que em "Uma Nova Esperança", se mostram perdidos, em meio à uma ascensão do Império.

George Lucas mostra nesse filme que Star Wars, acima de tudo, é um filme sobre uma família.

04 - O Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei (2003)


Screenshot_7
Meus amigos... Não devem se curvar.

Esse filme aclamado pela academia colocou o ponto final numa saga espetacular.  Talvez seja o mais emocionante, mostrando o Zênite da coragem, da amizade e da honra dos personagens principais.

Um filme longo, um fim único para concluir essa linda jornada. O filme termina e você entra numa crise existencial, sem saber para onde vai, o que fazer... O sentido das coisas começa acabar.

03 - O Senhor dos Anéis - A Sociedade do Anel (2001)


Screenshot_6
VOCÊ NÃO VAI PASSAR!

Ah, O Senhor dos Anéis... Eu como um grande amante de RPG há 10 anos é difícil não ter uma empatia enorme com essa maravilhosa trilogia. Uma trilogia cativante, que modificou a história dos blockbusters, que muitos deles foram citados aqui nessa lista.

O primeiro filme tem a palavra chave Amizade. A amizade de Frodo e Sam que dá o pontapé inicial e final nessa história. São filmes gigantes, que Peter Jackson trabalha os personagens, as tramas  e o universo sem pressa, para fazer o público relaxar e aproveitar toda essa mitologia de Tolkien sem deixar escapar nada.

Pessoalmente, eu amo esse filme também por ter algumas memórias muito boas assistindo-o. Como na primeira vez que assisti na TV, nos saudosos filmes de domingo a noite no SBT, e quando reuni amigos para vê-lo em 2014, e no ano seguinte quando mostrei para minha irmã mais nova pela primeira vez e ela apaixonou de verdade.

Esse primeiro filme foi muito injustiçado pela Academia do Oscar. Foi o pontapé inicial nessa revolução cinematográfica.

02 - O Poderoso Chefão (1972)


Screenshot_5
Um homem que não se dedica à família não é um homem de verdade.

Como citei no Poderoso Chefão 2, tenho uma ligação bem familiar com a trilogia. Ou melhor, com os 2 primeiros filmes.

No segundo filme, que lembra bastante a minha Mãe, que ama o Al Pacino e adora esse filme quando ele controla a família. O primeiro filme Poderoso Chefão tem muito a ver com o meu Pai.

Algumas tardes assistindo com ele, conversando sobre esse Clássico... Lembro que o ultimo presente de aniversário que entreguei pra ele foi um Box com essa trilogia maravilhosa.

Uma história contada na medida da perfeição. Um filme com quase 3h e consegue deixar com gosto de quero mais. Um roteiro fantástico, personagens icônicos, algumas falas que entraram para a eternidade. Um filmaço.

01 - A Origem (2010)


Screenshot_4
Eu sou a única coisa que você acredita.

O Filme que mais me apaixona. Christopher Nolan decidiu para criar a sua obra prima em 2010. Um filme extremamente pretensioso, que conta uma história que parece ser muito complexo. E ele o faz com uma genialidade absurda.

Nolan conta sua história com elegância. Monta toda uma mitologia que explica muito bem no primeiro e no segundo ato. Uma história de suspense, ação, drama, aventura e mistério. Enche os olhos nas primeiras vez que você assiste.

O final, inconclusivo, faz você instigar a sua curiosidade. Você quer conversar com alguém sobre A Origem. Quer saber o final a todo custo.

A genialidade de A Origem é comparada com Matrix, e claramente é o melhor filme do Diretor. Como filme, é melhor que Matrix. Apesar de ser cegamente apaixonado por Inception e ter visto dezenas de vezes, sei que ele não é sem falhas.

Na ultima vez que revi, ontem no caso rs, Notei algumas pequenas inconsistências no roteiro que não havia percebido, talvez pela paixão ao filme. Isso pouco importa e nada consegue apagar a sua importância na minha adolescência.

Talvez notar algumas pequenas falhas agora, prestes a completar 20 anos possa ser um sinal que eu esteja amadurecendo, evoluindo.

E eu espero que realmente eu esteja evoluindo.
20 anos, 20 filmes 20 anos, 20 filmes Reviewed by Adao Filho on setembro 16, 2017 Rating: 5

2 comentários

  1. […] eu queria ter visto esse filme antes, assim ele poderia certamente aparecer nesse post. Mas mesmo assim, ainda é muito cedo para dizer tal afirmação, é um filme para refletir por […]

    ResponderExcluir
  2. […] só para isso.  O filme que escolhi de hoje é um dos meus favoritos de todos os tempos e um que mudou minha vida: O Poderoso […]

    ResponderExcluir